terça-feira, 24 de julho de 2012

Itacaré em alta


Por: Bella Papadopoulou.

Dia ensolarado, torcida posta nas arquibancadas naturais e muito surf foi o cenário do último final de semana em Itacaré. Com a realização da segunda etapa do campeonato de surf Bivolt que contou com o patrocínio da Smolder e apoio das lojas Backdoor tendo como palco a praia da Tiririca.
O vencedor da categoria mais importante foi o atleta local Iago Silva que, recentemente, conquistou a segunda colocação no campeonato nacional amador. Mais de 120 jovens atletas se reuniram na manhã de sábado e domingo na praia, cada um deles tentando mostrar o seu melhor desempenho nas famosas ondas da Tiririca.
Gabriel Garrido de 12 anos local de Salvador, esteve presente na competição e enviou uma mensagem positiva a todos os jovens que querem começar a atividade, dizendo que o surf é uma boa maneira de permanecer saudável e feliz e com certeza de ocupar o tempo evitando más influencias.
Assim como Gabriel, todos estavam empolgados com realização do evento na praia da Tiririca, onde as ondas estão sempre quebrando em ótimas condições. Thor Costa que trabalha no ramo de surf há mais de 10 anos, tem visto ao longo dos anos uma mudança em vários aspectos no que se refere a cidade de Itacaré, porém, o que sempre permaneceu de maneira forte foi a atividade do surf sendo marca registrada na cidade.
"A razão de Itacaré ser tão dominado pelo surf não é apenas por causa da vibração, mas também por causa de suas posições geográficas. A localização das praias encontram-se num local perfeito para a entrada de ”swell” e é por isso que as ondas quebram sempre tão bem" diz Thor.
Victor Kruschewsky, assessor e promotor de mídia do evento, disse que há razão de ter escolhido a praia da Tiririca como palco do evento pelo fato da constancia das ondas e por ser um dos locais favoritos para pratica do esporte.
“Há boas ondas, gente bonita, dia ensolarado e pessoas de todas as idades compartilhando, sendo uma alegria imensa para o esporte” disse Vitor.
Entre todos os atletas presentes estava à surfista local Mariana Padilha que conquistou a terceira colocação diz que “o nível da competição é muito alto porque todos os participantes estão sempre treinando e buscando boas ondas”.


terça-feira, 17 de julho de 2012

Sem sono em Itacaré


Por: Bella Papadopoulou.

Exceto por ser a capital do surf no Brasil, Itacaré oferece um excelente cenário de festa. Enquanto o reggae é o que domina o ritmo da cidade, todos poderão encontrar algo que combine com seu gosto.
Depois de ter passado o dia relaxando na praia ou surfando as melhores ondas, é impossível recusar o convite sedutor da noite para uma ou duas caipirinhas. Felizmente, existem muitos lugares para fazer isso!


Os bares Favela e Jungle, desde há muito tempo, foram coroados como o rei e rainha da vida noturna itacareense. Na rua da Pituba, as pessoas se reúnem em torno das mesas de frutas de ambos os lugares, você só precisa apontar para a sua favorita e depois vê-la sendo transformada em uma caipiroska com um sabor inigualável. Se você chegar sozinho, é uma promessa garantida de que você vai sair com um punhado de novos amigos ou até mesmo a possibilidade de encontrar o amor de sua vida (dependendo de quantas caipiroska você tomou).
Para aqueles que estão procurando por algo mais discreto, a orla em frente ao encontro do rio de contas com o mar é a sua resposta.  Você vai encontrar lugares como o Casarão Amarelo e o Casarão Azul, ambos oferecem uma atmosfera calma acompanhada por sons suaves como a  Bossa Nova ao vivo.
 A equivalência de samba do Rio de Janeiro, na Bahia é o forró. Quinta-feira e sábado recomenda-se o bar e restaurante Mar Mel sempre com bandas regionais ao vivo para todos que querem praticar seus movimentos na pista de dança. Ou por que não experimentar alguns passos de dança na praia? A Cabana Corais é uma boa pedida, um bar com um estilo único na Praia da Concha, também com bandas ao vivo tocando forró, reggae entre outros estilos durante a semana.
 Se você gosta de algo mais íntimo, em seguida, na Pousada Pouso da Terra tem o Mais Que Nada. No jardim da pousada um ambiente aconchegante e convidativo, por ser um lugar mais reservado a vibração e sentimento presentes no local é o mesmo do resultado da combinação de amigos, fogueira e um violão. Delicie-se do mojito com bastante gelo.

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Praia da Coroinha em festa!

Por: Bella Papadopoulou.
Foto: Tom Fry.
Uma das atividades favoritas dos itacareenses tem sido aos domingos na praia da Coroinha, na orla da cidade, o campeonato anual de futebol local que traz pessoas de todas as idades e bairros, juntos em uma atmosfera torcendo pelo time favorito.
O campeonato de futebol tem atraído moradores e turistas durante 18 anos, o que torna a competição mais importante da cidade. Todos os domingos, na maioria das vezes no final da tarde, pessoas se reúnem em volta do campo de areia para assistir as jogadas, gols e presenciar um dos mais lindos por do sol do Brasil.
"Eu realmente gosto de vir aqui todos os domingos e compartilhar essa emoção com todos os meus amigos. É uma coisa muito boa para a sociedade "Jorge Gazo.
Arnaldo Silva Santos é o principal organizador dos jogos e diz que tudo é baseado em voluntariado e apoio.
"Todo o trabalho que fazemos é voluntário, temos jogadores de 5 a 18 anos. Fazemos um trabalho social, todos os amigos em prol da atividade esportiva na cidade.
 Nildo Malhado vem treinando com sua equipe para este campeonato e demonstra ser um dos favoritos ao título. A equipe já venceu quatro jogos e Nildo acredita que o nível dos jogos vem aumentando a cada ano que passa.
"Itacaré é um lugar onde muitas pessoas gostam e estão envolvidos em vários esportes, um campeonato como este aumenta o astral da cidade", diz Nildo.
 Enquanto os jogadores mostram as suas jogadas na areia, as crianças brincam em volta sonhando em um dia estarem participando. Entre eles, estava o pequeno David Nascimento, um dos mais fanáticos pelos jogos sempre marcando presença aos domingos.
"Eu sempre encontro meus amigos aqui aos domingos. Eu acho que é importante ter ações como essa para manter a juventude longe das drogas e outros crimes” diz David.
Mas este não é apenas um entretenimento local. Turistas de todo o mundo se reúnem em torno da baía da praia da Coroinha para acompanhar os jogos e apreciarem a famosa cerveja gelada brasileira. O Inglês Tom Fry passou a noite de domingo entre a multidão curtindo a emoção no ar.
"Isso é muito divertido! Estive em outros jogos de futebol de praia no Rio de Janeiro também, mas esse é cem vezes melhor. O clima é muito bom!”, diz Tom.

quarta-feira, 4 de julho de 2012

Itacaré em segundo lugar no campeonato nacional de surf amador

Por:  Bella Papadopoulou. 

Itacaré celebrou no último final de semana na praia de Batuba em Olivença - Ilhéus a conquista do vice campeonato da 2ª etapa do Billabong Brasileiro de Surf Amador 2012. 

O atleta local Iago Silva foi vice-campeão na categoria "open" trazendo mais um título para a meca do surf brasileiro, Itacaré.
Durante todo o campeonato um alto nível de surf foi mostrado por todos os surfistas jovens do pais. Enquanto vários surfistas talentosos mostraram suas habilidades na água, um problema permanece, a falta de patrocínio e de suporte no esporte. 
O surf é um esporte de integração social e cultural, a Bahia inclusive permite essa mistura por ser um estado que possui uma grande frequência de ondas. Vários representantes do surf nacional e mundial como Jojó de Olivença, duas vezes campeão nacional, são baianosdiz o responsável pela parte de mídia da competição, Chico Padilha.
O problema de vários jovens surfistas atualmente é a falta de um bom patrocínio oferecendo todo suporte nas competições. Esta competição nacional pode ser considerada como uma verdadeira vitrine dando oportunidades para os surfistas serem descobertos e possivelmente conseguir uma carreira como surfista profissional.
Adalvo Argolo, presidente da Confederação Brasileira de Surf, declara que este evento que acontece por 20 anos é considerado uma olimpíada do surf nacional. 
Porque esta competição não é realizada em Itacaré?
Itacare possui uma grande qualidade de ondas e inclusive já sediou duas etapas do circuito mundial feminino de surf, o Billabong Girls Pro entre vários outros, porém, não basta ter boas ondas e uma boa estrutura, dependemos do apoio de verba do poder público e da organização local. Há muito interesse por parte da confederação em realizar outros eventos na cidade” diz Adalvo.
Em meio ao crowd, como espectadora, estava a representante brasileira da elite do surf mundial, a cearense Silvana Lima, apreciando o talento da nova geração.
“Há vários surfistas talentosos nesta competição e um dos meus favoritos é o itacareense Iago Silva que vem mostrando um bom repertório de manobras durante a competição” diz Silvana.
Iago Silva de 19 anos, itacareense, foi vice campeão da etapa. Este é o seu quarto ano disputando o circuito brasileiro.
“Meu lugar favorito é a praia da Tiririca em Itacaré. É uma onda alucinante, vários tubos e oportunidades de manobras, onde sempre encontro meus amigos e tem uma atmosfera muita boa” diz Iago.
Outro competidor de Itacaré é Nicolas Carvalho de 18 anos que perdeu nas quartas de final conquistando o nono lugar. Ele se sente sortudo por poder treinar em umas das melhores ondas do Brasil.
“A Bahia é um dos melhores lugares do nordeste, muitas ondas boas, e Itacaré que é considerado o Hawaii baiano, me sinto bem em representar a cidade nas competições” diz Nicolas.
Carol Fernandes de 15 anos, Carioca, que surfa desde os seis anos de idade, conquistou a terceira colocação na categoria feminina Junior, passando uma mensagem para todas as garotas que pensam em surfar.

“Surfe é um esporte maravilhoso, você esta dentro da natureza, com certeza o mar é umas das coisas mais especiais que temos, vale a pena tentar e incentivar o surf feminino” diz Carol.