segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Paulista Deivid Silva vence a 4ª edição do Itacaré Surf Sound Festival

Sete brasileiros e um peruano disputaram nas quartas de final o título do QS 1500 da Bahia.


Foram quatro dias de muito sol e ótimas ondas. A Praia da Tiririca recebeu cerca de seis mil pessoas durante todo o evento, que foram prestigiar mais de 100 atletas inscritos, vindos de nove países. O evento de entrada gratuita, trouxe a Bahia de volta aos destaques no cenário mundial de surf. As finais serão realizadas na Tríplice Coroa Havaiana de 12 de novembro a 20 de dezembro.

Deivid Silva pegou as melhores ondas que entraram na bateria para derrotar o baiano Marco Fernandez por 17,77 a 14,40 pontos, faturando o título de campeão do Itacaré Surf Sound Festival na Praia da Tiririca. “Consegui fazer boas baterias, eu não ia participar e meu pai insistiu para fazer a inscrição. Agradeço muito a Deus, é sempre muito bom participar desse evento importante. Eu que no começo do ano não tive bons resultados e no meio do ano pra cá consegui recuperar. Estou muito feliz por ter vencido na Bahia, agora é repor as energias e focar na próxima etapa em Maresias”, explica.


Principais atletas do ranking estiveram presente no campeonato, que começou dia 26 de outubro e terminou este domingo (29), entre eles estão os surfistas que passaram para as quartas de final. Quem abriu a primeira bateria foi o catarinense Alejo Muniz e o paulista Weslley Dantas, com o peruano Alonso Correa entrando na segunda com outro paulista que se destacou em Itacaré, Deivid Silva. O baiano Marcos Fernandez enfrentou o paulista Alex Ribeiro, a última vaga para as semifinais foi disputadas pelo dono da maior nota, Krystian Kymerson e o paulista Tales Araújo.

As boas condições do mar proporcionaram grandes momentos durante todo o campeonato, de acordo com a WSL, na competição os juízes avaliam cinco elementos: confiança e grau de dificuldade, manobras progressivas e inovadoras, combinação de manobras fortes e expressivas, variedade de manobras e repertório, além de velocidade, força e fluidez.

Mas não é só de batalha por pontos nos rankings que movimentou a 4ª edição do Itacaré Surf Sound Festival. Um Espaço de Economia Criativa foi montado com ações e apresentações, o objetivo foi promover a conscientização ambiental para crianças e adultos. Cerca de 60 crianças de escolas públicas, privadas e projetos sociais passaram por dia no espaço, sete instituições trabalharam temas de educação ambiental, fazendo dinâmicas, palestras, apresentando vídeos e oficinas.  Durante a visita as crianças receberam mudas de árvores de Pau Brasil e Ipê, que foram plantadas na área da mata ciliar do riacho localizado na Praia da Tiririca e também nos bairros de Itacaré.


A secretaria de Meio Ambiente junto com Associação de Surfe são responsáveis em monitorar o crescimento das mudas. O evento também contou com Posto de Saúde com profissionais especializados e uma equipe da SAMU para prestar atendimento. A proposta do espaço Economia Criativa foi incentivar a preservação da riqueza natural de Itacaré.

Apontada como o destino completo para turistas, Itacaré atingiu 95% de ocupação hoteleira durante a 4ᵃ edição do Festival, a cidade recebe cerca de 150 mil turistas ao ano e conta com aproximadamente 7.500 mil leitos em hotéis, em mais de 90 meios de hospedagem, entre hotéis, pousadas, além de 25 flats, cinco campings e oito hostels.

O evento também integrou música, na noite de sexta-feira (27) a programação musical teve atrações como Conecrew, Maskavo, Marlo Moreira e DJ Banzai. No sábado (28) quem comandou o palco foram as bandas Bruta Raça, Rael Fábrica de Sons, Kasa 8 e DJ Banzai. O Festival de Música é um evento em parceria com o Itacaré Surf Sound Festival, autônomo e desvinculado da Organização do ISSF.

O "South To South apresenta Itacaré Surf Sound Festival" é uma realização do Governo da Bahia, através da Secretaria de Turismo (Setur) e Bahiatursa, da Prefeitura Municipal de Itacaré e da MVU Eventos. O evento conta com o apoio da Terra Boa Hotel Boutique, Associação de Surf de Itacaré (ASI), Grou Turismo, Instituto Floresta Viva, Faculdade Madre Thaís e Devassa.